Rua da Trindade, 1B 8000-273 Faro Tel: 289 822 700 Fax: 211 454 858

16
Set 11

As "Terças Técnicas", Ciclo de Conferências para Profissionais, são uma
actividade que a Ordem dos Arquitectos tem vindo a desenvolver no sentido
de promover uma maior qualificação profissional dos seus membros. A ideia
é criar condições para um conhecimento mais profundo dos materiais e da
sua aplicação, num contexto de apresentação técnica.

A Delegação do Algarve pretende dar seguimento a esta prática, pelo que,
com o apoio da Câmara Municipal de Albufeira, vai realizar a 1ª sessão  no
próximo dia 18 de Outubro, Terça-feira, pelas 16h, na Biblioteca Municipal
Lídia Jorge, em Albufeira.

 

 

publicado por Algarve-OASRS às 14:04

20
Jun 11

A temática nuclear dos Seminários e Exposição é “Dinâmicas e Perspectivas no século XXI.

O evento irá decorrer durante quatro dias, de 14 a 17 de Setembro de 2011, na Escola de Hotelaria e Turismo de Faro, ETHA. A ETHA está sedeada no edifício do antigo Convento de São Francisco em Faro.

 

Os Seminários anuais realizados pelo MIRIAD , Manchester Institute for Research and Innovation in Art and Design, este ano em parceria com a Câmara Municipal de Faro , são a única altura no ano em que vários centros de investigação internacionais e investigadores nas áreas do design, arte, arquitectura, arquitectura paisagista, planeamento e gestão do território, construção e turismo se encontram para apresentar o seu extraordinário trabalho teórico-prático a uma plateia de profissionais, empresas, investidores e estudantes. É uma excelente oportunidade para todos os envolvidos conhecerem novas tecnologias, novas perpectivas, alargarem a sua rede de conhecimentos e apresentarem os seus produtos/serviços.

 

Este ano os Seminários são dedicados ao planeamento sutentável do território rural e urbano. Assim, serão explorados sete temas nucleares: a Água; os Resíduos; a Biodiversidade Urbana / Natureza Dentro do Perímetro Urbano; a Mobilidade; a Contenção Energética; as Formas Urbanas; a Densidade e a ECO-Construção. Estes temas serão abordados por dezassete oradores provenientes de distintas áreas do saber e diferentes contextos sócio-culturais.

A Exposição este ano inclui a obra do artista John Hyatt, artista Inglês que foi premiado pelo sua intervenção urbana numa das principais praças de Manchester, no Reino Unido, após o atentado do IRA. A Exposição irá ainda incluir alguns protótipos de ECO-Houses desenvolvidas por um conjunto de investigadores do MIRIAD, http://www.miriad.mmu.ac.uk/.

Para assistir aos Seminários e Exposição poderá solicitar os bilhetes por email, através do email: arq.cristina.rodrigues@gmail.com

e efectuar o pagamento por transferência bancária. O custo dos bilhetes é o seguinte:

- Bilhete para 1 dia Seminários e Exposição – 7,5 euros;

- Bilhete para os 4 dias Seminários e Exposição – 20 euros;

- Gala de Abertura com jantar no dia 14 de Setembro de 2011 (apenas para empresas e profissionais) – 20 euros;

- Jantar de Encerramento do Ciclo de Seminários no dia 17 de Setembro de 2011 (apenas para empresas e profissionais) – 20 euros;

- Bilhete de Estudante para 1 dia Seminários e Exposição – 5 euros;

- Bilhete de Estudante para 4 dias Seminários e Exposição – 15 euros.

Nota Informativa: os valores para aquisição dos bilhetes nos dias em os Seminários estão a decorrer serão mais elevados.

Se necessitar de mais informções por favor contactar:

Email: arq.cristina.rodrigues@gmail.com

Telem.: (0044) 787 557 25 76

 

 

publicado por Algarve-OASRS às 09:14

20
Mai 11

I.S.M.A.T. DIA 20 DE MAIO - 20H30

*Um Século de Utopias, Distopias e Heterotopias da Paisagem Urbana*
*Sinopse*

O debate acerca das relações de influência entre cinema e arquitectura
fez-se sentir logo a partir do início do século XX, determinando de forma
indelével, a imagem urbana e a  percepção que espectadores e cidadãos têm
das cidades onde vivem, onde desejariam ou não viver, e das cidades
imaginárias, distantes ou conhecidas.

Assim, algumas das mais poderosas evocações cinematográficas sobre
arquitectura têm-nos sido reveladas, através das narrativas distópicas do
género fílmico de ficção científica, onde a cidade, mais do que simples
cenário, assume o papel principal, mostrando-nos a forma como o género
fílmico tem explorado as múltiplas visões sobre a cidade em conjunto com a
tecnologia e a arquitectura como dispositivo narrativo de reforço à crítica
política, económica e social.

Deste modo, em vez de vermos a imaginação espacial do cineasta e do
arquitecto como mutuamente excludentes e antagónicas, devemos antes vê-los
como indispensáveis para ambos, de tal forma que, quando vistos em conjunto,
enriquecem e aprofundam a nossa compreensão sobre o desenvolvimento da
metrópole durante o século XX e como poderá ser no século XXI, seja pedra ou
celulóide, realidade ou ficção.

publicado por Algarve-OASRS às 09:44

pesquisa
 
arquivos
2012:

 J F M A M J J A S O N D


2011:

 J F M A M J J A S O N D


2010:

 J F M A M J J A S O N D


2009:

 J F M A M J J A S O N D


arquivo fotográfico
subscrever feeds